Mãe, você entende o que seu filhote “fala”?

Mãe, você entende o que seu filhote “fala”?

Hoje, dia da língua materna, vamos te dar algumas dicas para entender o que seu cão está “falando”!

Confiante, assustado, ansioso, com medo, agressivo, relaxado…Um tutor que se preze conhece cada expressão, trejeito, mania e expressão facial e corporal do seu querido amigo de 4 patas, não é mesmo? Isso se chama linguagem corporal nos cachorros.

O jeito que eles mexem as orelhas, a carinha que eles fazem quando aprontaram alguma coisa, o que eles fazem para te pedir carinho e a velocidade em que abanam o rabinho para demonstrar alegria!
Os cachorros falam conosco, mas é claro que a linguagem canina deles é diferente.

Dizem que eles podem se expressar com mais de 100 expressões faciais diferentes. Não é à toa que às vezes falamos: “meu cachorro só falta falar!”

Os cães se comunicam usando comandos verbais, linguagem corporal e expressões faciais, mas podem aprender centenas de sons humanos, porém não consegue combiná-los. É por isso que usam-se comandos curtos como “senta!” e “vem!”.

Agora, quer entender o que seu amigo quer dizer com seus trejeitos, expressões e linguagem corporal? Continue lendo este texto.

 

PETDRIVER-maio-linguagem-materna-blog

Além das expressões que identificamos ao observar os cachorros, existem os sons que eles emitem, que fazem parte da linguagem verbal como gemidos, grunhidos, resmungos, dentre outros.

Agora você pode ter certeza de que seu cãozinho não enlouqueceu quando começar a resmungar sozinho.

Fonte: Geração pet

#PetDriver #BlogPetDriver #Blog #LinguagemCanina #Cães #Cachorro

Add Your Comment